Peregrinação Jubilar de Bandas Filarmónicas

Publicado por S.A.M.B. | sábado, 23 de Setembro de 2017

PORTAL DA BAJOUCA
O Santuário de Fátima organizou no dia 16 de setembro a Peregrinação Jubilar de Bandas Filarmónicas. A nossa Orquestra Filarmónica de Santo Aleixo, foi uma das bandas presentes, nesta bonita e especial homenagem a Nossa Senhora.

As Bandas Filarmónicas constituem "um património da humanidade" e "servem" missão da Igreja

Mais de 1600 músicos passaram pela Capelinha das Aparições. O Santuário de Fátima acolheu a Peregrinação Jubilar das Bandas Filarmónicas, com a presença de 35 bandas, oriundas de 13 dioceses. 
A iniciativa, inserida nas celebrações do Centenário das Aparições de Fátima, trouxe à Cova da Iria mais de 1600 músicos que além de se consagrarem a Nossa Senhora, participaram na Eucaristia no Recinto de Oração. 140 desses músicos (dois representativos de cada filarmónica) integraram duas bandas que acompanharam o andor de Nossa Senhora nas procissões de entrada e do adeus.

No período da manhã, decorreram os desfiles fora do Santuário, em dois pontos distintos, dos quais partiram as bandas: Rotunda da Rodoviária Nacional e Rotunda de Santo António, a norte e a sul, respetivamente. Os desfiles culminaram na Capelinha das Aparições, onde cada banda fez a sua saudação individual.

Às 12h00 foi celebrada uma saudação conjunta, de todas as bandas filarmónicas participantes, na Capelinha das Aparições, com três músicas: "Bendizemos o teu nome", "Sobre os braços da Azinheira" e o refrão do "Hino do Centenário". Na ocasião o vice-reitor do Santuário afirmou que a celebração deste Centenário ficaria incompleta se não houvesse um momento de festa como este.

"Como poderia a celebração deste Centenário não contar também com esta vossa presença, de bandas filarmónicas, que todas as semanas, por todo o País contribuem para o ambiente de festa de tantas comunidades e ajudam muitas comunidades cristãs a celebrar as festas da sua fé?", interpelou o Pe. Vitor Coutinho, referindo-se a este dia como "muito especial para o Santuário".

"Com arte e com alma, «com a tuba e a trombeta», como diz a Sagrada Escritura, elevaremos ao Senhor uma prece de gratidão e de louvor", prosseguiu destacando, por outro lado, que "celebrar aquilo que alimenta a nossa alma e que preenche o nosso coração faz-nos olhar com confiança para o futuro e dá força à nossa esperança".

"Façamos festa, com tudo o que temos e somos. Celebremos na alegria a bondade do Senhor", exortou o vice-reitor.

MUITO OBRIGADO A TODOS OS QUE NOS APOIARAM

A Direcção da SAMB agradece do fundo do coração aos músicos, e a todas as pessoas que nos acompanharam e apoiaram ao longo de todo este dia.

Parabéns à equipa que fez o almoço e ao estafeta que o transportou até Fátima. Confeccionado na Bajouca com amor e carinho durante a manhã de sábado, foi transportado e servido bem quentinho. Todos repetiram. Aquela Jardineira ajudará certamente a tornar ainda mais inesquecível, para cada um de nós, este marco histórico do Santuário de Fátima, e o nome da nossa Filarmónica ficou lá escrito...
 
 

Agenda de Eventos

Bajouca na Rede