Folha da Paróquia

Publicado por Paróquia | sábado, 15 de Julho de 2017

PORTAL DA BAJOUCA

BAJOUCA 16/JULHO/2017

ANO 2 Nº 34 tf: 244684347 email pdavide@sapo.pt tm 961641627

EVANGELHO -Mt 13, 1-23

   Naquele dia, Jesus saiu de casa e foi sentar-Se à beiramar. Reuniu-se à sua volta tão grande multidão que teve de subir para um barco e sentar-Se, enquanto a multidão ficava na margem. Disse muitas coisas em parábolas, nestes termos: «Saiu o semeador a semear. Quando semeava, caíram algumas sementes ao longo do caminho: vieram as aves e comeram-nas. Outras caíram em sítios pedregosos, onde não havia muita terra, e logo nasceram, porque a terra era pouco profunda; mas depois de nascer o sol, queimaram-se e secaram, por não terem raiz. Outras caíram entre espinhos e os espinhos cresceram e afogaram-nas. Outras caíram em boa terra e deram fruto: umas, cem; outras, sessenta; outras, trinta por um. Quem tem ouvidos, oiça». 

SEMANA de 17 A 23 de JULHO 

Terça-Feira: reunião do novo secretariado da catequese com o pároco; 21h00. 

 quarta-feira: Missa às 20h30; 

+ Pelas Almas do Purgatório int. Prazeres (M. Eng. ) 

+ Agostinho Pedrosa Cabecinhas esposa e filhos int. filho Joaquim ( Bj. Cima ) + Lucinda Pereira Afonso e Conceição Cabecinhas pais irmãos e sobrinhos int. marido ( Bj. Centro ) 

+ Maria da Silva Pereira e marido int. filhos ( Helenos )

 -reunião de catequistas com o pároco, às 21h00. 

sexta-feira: Missa às 20h30 

+ Maria Celeste Gaspar ( Reg. Pontes ) int. Irmandades 

+ Rosa Clara de Oliveira ( Bj. Baixo ) int. Irmandades 

-reunião do conselho económico, às 21h00. 

SÁBADO : Missa às 19h15 

+Maria Quitéria Pedrosa, pais, sogros, familiares int filha Conceição (Bouça Lá) +Luzia Ferreira Mota, marido e filho Manuel int filhos (Bj Baixo) 

+ José Joaquim Ferreira esposa e filho int. filhos ( Loural ) 

+ Regina Maria Neves Pereira e avós int. pais e irmãos ( Andrezes ) 

+ Manuel Carreira da Silva e esposa int. filhos (Lage) 

+ Pelos nascidos em 1947 vivos e falecidos 

+ Manuel Capela e cunhada Emília int. filho (Moital) 

+ Pelas Almas do Purgatório int. Maria Quitéria Soares 

+ Rosária Morais int. Conceição Soares (Carnide) 

16º DOMINGO do tempo COMUM BAJOUCA: Missa às 9h00 SERVIÇO LITURGICO: Bouça de Lá

CARNIDE: Missa às 10h30 

* Cartório: quarta-feira das 17h00 até 18h30. 

*o peditório do passado fim de semana (nas Missas) a favor da Cáritas, com a finalidade de ajudar as vitimas dos incêndios, rendeu 1480,60 euros.

 *reunião do grupo da Mensagem de Fátima: quinta-feira, às 21h00. *Estacionar em locais para deficientes tira dois pontos à carta A partir deste sábado, 8 de Julho, estacionar - ou parar - em lugares reservados a pessoas com deficiência, passa a ser considerada contra-ordenação grave, com sanção acessória

1403 portugueses fazem voluntariado missionário em 2017 

  Este é um número global mais alto do que em 2016, verificando-se um aumento no número de voluntários que parte para missões fora da Europa, segundo dados estatísticos da Rede de Voluntariado Missionário coordenada pela FEC - Fundação Fé e Cooperação. "Com idades compreendidas entre os 18 e os 50 anos, 18 pessoas deixam o seu emprego e 10 pedem uma licença sem vencimento para partir este ano para países em desenvolvimento", assinala a nota de imprensa. Os 389 voluntários portugueses que saem do país estão distribuídos por vários países: Cabo Verde vai acolher 89 voluntários; Moçambique, 76; São Tomé e Príncipe recebe 70; Guiné-Bissau, 65; Angola, 38; Brasil, 27; TimorLeste, 9; Espanha, 5; Honduras, 4; a Zâmbia acolhe 2 voluntários; com destino à República Centro Africana partem dois voluntários; e para o Perú partem outros dois. 349 pessoas partem para projetos de curta duração, isto é, em missões que podem ir de 15 dias a 6 meses; 40 pessoas partem em projetos de longa duração (entre 7 meses a 2 ou mais anos). 

"A maior parte dos voluntários que parte entre janeiro e dezembro de 2017 tem idades compreendidas entre 18 e 35 anos, sendo 87% estudantes, recém-licenciados ou pessoas empregadas que dedicam o seu tempo de férias para se integrar no desenvolvimento de projetos de voluntariado internacional".

«Ser catequista não é uma profissão, mas uma vocação » 

O Papa explica que "ser" catequista é uma vocação de serviço na Igreja, que se recebeu como "dom" para ser transmitido. Aos participantes do Simpósio Internacional sobre Catequese, em Buenos Aires, Francisco referiu que quanto mais Jesus se torna "o centro da vida", mais "impulsiona a sair, descentraliza e faz mais próximos dos outros". A partir do exemplo de Jesus, que se retirava para "rezar ao Pai e saía ao encontro das pessoas sedentas de Deus", Francisco destaca a importância da catequese "mistagógica", que é o encontro constante com a "Palavra e os sacramentos". 

"Os meios podem ser diferentes, mas o importante é ter presente o estilo de Jesus, que se adaptava às pessoas que tinha a sua frente", explica. Para Francisco, o catequista deve regressar, constantemente, ao "primeiro anúncio", "kerygma", que é o dom que "transformou a própria vida", um anúncio que deve acompanhar a fé e está presente na religiosidade do povo. "Encorajo-vos a serdes alegres mensageiros, custódios do bem e da beleza que resplandecem na vida fiel do discípulo missionário", escreveu ainda o Papa que agradeceu a todos os catequistas pelo que fazem e, sobretudo, porque caminham com o Povo de Deus. 

Datas definidas para o ano jubilar diocesano 2017-2018 8 de outubro de 2017, domingo, dia da Igreja Diocesana: assembleia 17 de janeiro de 2018, data do centenário da restauração da Diocese 20 de janeiro de 2018, sábado, 21h, na Sé de Leiria, concerto comemorativo 21 de janeiro de 2018, domingo, 16h, na Sé de Leiria, missa solene de ação de graças 18 e 19 de maio de 2018, sexta e sábado, congresso histórico sobre a Diocese 15-17 de junho de 2018, sexta a domingo, FESTA DA FÉ, em Leiria 5 e 6 de outubro de 2018, sexta e sábado, congresso teológico-pastoral sobre a Diocese 7 de outubro de 2018, domingo, dia da Igreja Diocesana: assembleia 

*Rezar em família: A pastoral familiar da Diocese acaba de lançar um baralho de 44 cartas destinadas à oração em família. Chama-se:"Bato à porta".

 É um jogo com pequenas orações e que pretende que se faça mais oração em família. Custa 4,5€ e quem pretender pode comprar na gráfica de Leiria ou na paróquia, encomendar ao Sr. José, Sacristão. 

*Feiriarte: - Decorre este fim de semana no Pisão a"Feiriarte", uma organização da ABAD, e cujo programa está divulgado. 

*Festas de Stº Aleixo. Preparação: Decorrem os trabalhos de preparação para as festas. Terça feira, às 21 horas, no salão, equipa de ornamentação e todos quantos queiram ajudar. Trazer tesoura e vontade de colaborar! Sábado, a partir das 8 horas, no olival, para montagem de estruturas. Géneros alimentares para o restaurante: Quem puder oferecer géneros alimentares como batatas e cebolas pode informar um dos elementos do Conselho Económico logo que possível.

O arcebispo de Moscovo, D. Paolo Pezzi, presidiu às celebrações de 12 e 13 de julho no Santuário de Fátima, liderando uma peregrinação com cerca de 70 peregrinos, oriundos de vários países da ex-União Soviética. 

O testemunho dos videntes de Fátima regista que, na aparição de 13 de julho de 1917, Nossa Senhora lhes disse: "Para impedir a guerra virei pedir a consagração da Rússia ao meu Imaculado Coração e a Comunhão reparadora nos Primeiros Sábados". "Se atenderem a meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz; se não, espalhará seus erros pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à Igreja. 

Os bons serão martirizados, o Santo Padre terá muito que sofrer, várias nações serão aniquiladas. Por fim, o meu Imaculado Coração triunfará", registava Irmã Lúcia, falecida em 2005, nas suas 'Memórias'. "Quantas igrejas foram destruídas na Rússia do século passado, tornando invisível a humanidade nova que nasce da fé e quantas devem ainda ser reconstruídas", lembrou então D. Paolo Pezzi.

2017 é o ano do centenário das aparições em Fátima e da revolução soviética 

A revolução política "marcou o século XX e da pior das formas", uma "ditadura das mais cruéis da Europa, paralelamente ao nazismo", com "milhões de vítimas", e Fátima com uma mensagem "diferente, de paz," que foi "um dos pilares" e com o Papa polaco São João Paulo II "importante na luta contra o comunismo e na luta pelo fim do regime". Segundo José Milhazes, o tema de Fátima na Rússia "era proibido, dava direito a prisão" e, mesmo nos tempos modernos, a mensagem chega de "uma forma maior" por causa da internet. "A Rússia sendo o único país que aparece na mensagem que reflete muito mais do que o país, mas todo um sistema que tinha por objetivo pôr fim à religião", realça.Depois de muitos anos a viver na Rússia, José Milhazes escreveu o livro 'A Mensagem de Fátima na Rússia' onde "limitou-se" a "apresentar factos". 

'Clericus Cup', torneio de futsal para sacerdotes católicos 

Os padres da Diocese de Viana do Castelo venceram a 12.ª edição da 'Clericus Cup'. "O trofeu é o que menos importa, o mais importante é sempre o convívio entre nós. Nem sempre nos encontramos ao longo do ano e, sobretudo, colegas de outras dioceses ainda vemos menos", disse o padre José António Cunha, da Diocese de Viana do Castelo. O torneio decorreu em Santiago do Cacém, Diocese de Beja, e congregou cerca de 100 participantes de Braga, Viana do Castelo, Porto, Vila Real, Lamego, Viseu, Guarda, Leiria, e uma equipa de padres Vicentinos, que organizam a 'Cléricus Cup' 2017. 

 
 

Agenda de Eventos

Bajouca na Rede